sábado, 6 de março de 2010

yeah, i fall down

Eu tropeço idiotamente
Minha cara o chão encara
Cara que um dia eu gostara
Eu tropeço idiotamente

A dor de um dos pés
Maior do que eu sentira outrora
Em mim agora ela mora
A dor de um dos pés

Sinto-me inutilizada
Não consigo me deslocar
A dor não posso enfrentar
Sinto-me inutilizada

Olho-me no espelho
E vejo um ser horrível
Meu rosto está irreconhecível
Olho-me no espelho

Porém nada irá adiantar
Ficar relutando
O acontecido ficar pranteando
Nada irá adiantar


*engessar o pé me inspirou O.O*

3 comentários:

Gaby disse...

kkkkkkkkkkkk' adooorei. bem diferente.um texto sobre um pé engessado. haushaushauhsu' #euridms

. lela disse...

O.O o texto era pra ser triste, acho.

- Dina. disse...

Apesar de melancólico você deu ao texto um ritmo muito bom!
Adorei muito mesmo!